quarta-feira, 26 de maio de 2021

Quem quer ser criança?

 

imagem do google

Quem quer ser criança?


- Quem quer ser criança, que levante o dedo.
- Eu quero! - E levantei.
- Você não tem idade para ser criança.
- Eu sei! Mas pendurei um baloiço de dentro dos anos que tenho;
uma das cordas prendi-a ao tempo que já vivi,
a outra atirei-a até onde o sonho alcança,
todos os dias baloiço,
todos os dias sou criança.

Nuno Higino. In. A Trote e a Galope

***

Pois é gente boa, desde o último recado, onde dava a boa nova que tinha mais uma neta, muito tenho andado de baloiço.
Sempre que estou com o Duarte, o Manel, a Alice e a Laurinha não me canso de ser criança, e agora vem mais um rapazito a caminho que vai ser o bebé da mana Alice.
Sei que tenho por aqui avós e avôs pelo que tenho a certeza que também não se cansam de andar de baloiço! Bora lá ser criança!!
Abraço e brisas doces*
(eu vou aparecendo )*


maria loBos

22 comentários:

Fá menor disse...

Muito belo, amiga!
Muitos parabéns!

Pois é, ser avó é isso tudo... quando se tem os netos ao redor.
Os meus estão para lá do sol poente, com um ecran a separar-nos; bem mergulho os olhos para lá do oceano, estico o baloiço, mas só de avião os alcanço, para ser criança outra vez.

Beijinhos. Que tudo vos corra muito bem.

Graça Pires disse...

O gosto de ser criança com os netos, minha querida Amiga. Ser criança e recuperar aquela inocência que só encontramos nos olhos deles. Lindíssimo o poema, por onde voltei a ser criança também. Parabéns e obrigada pelas palavras, tantas, deixadas no meu "Ortografia". Protejam-se bem todos, pequenos e crescidos. Que a vida seja o que desejam.
Um grande beijo.

" R y k @ r d o " disse...

Também sou pai e avô. Para as minhas duas lindas netas (15 e 10 anos), e por elas, serei sempre uma eterna "criança". Ou seja: Quanto mais elas se fazem mulheres adultas mais eu me faço e torno "criança".
Gostei muito do seu blogue. Fiquei seguidor.
.
Abraço poético
.
Pensamentos e Devaneios Poéticos
.

silvioafonso disse...

Eu também levantei o meu, mas nem mesmo
o tempo olhou para mim. Por isso continuo
aqui, nesse canto largado e mesmo que eu
descordasse justificam dizendo que estou
velho e ultrapassado.
Só me resta abaixar o dedo e voltar ao
livro que eu lia. Nele eu tenho todas
as idades e até balançar, como balançam
as crianças eu já me peguei.
Beijos e beijos, muitos.
ESTOU TE SEGUINDO, SIGA-ME TAMBÉM...

Lúcia Soares disse...

Boa tarde 🌷 parabéns

Lia Noronha disse...

Que lindeza de espaço...bem inspirador!!!felicidades mil é o que desejo a toda família.
Abraços afetuosos meus.

Juvenal Nunes disse...

Dois textos cheios de vida e saudável esperança no futuro.
Abraço amigo.
Juvenal Nunes

ematejoca disse...

Uma outra „trovoada de Maio“ deixa-lhe aqui um girassol 🌻 muitos parabéns nesta data feliz. Muitas felicidades e muitos anos de vida 🌻

© Piedade Araújo Sol disse...

Felicidades para ti e para os teus netos.
Obrigada pela visita.
Beijinhos

:)

SOL da Esteva disse...

Como me delicio nos baloiços recriados dentro de mim!
Fico, genuinamente, identificado no texto de Nuno Higino.
Aprovo e agradeço a partilha que hás feito com a chegada de mais uma criança a juntar ás crianças que (tod@s) somos na vivência de "mais" pequeninos ao nosso Jardim da Infância d@s Avós.
Que a felicidade seja completa.
Parabéns.


Beijo
SOL da Esteva

AC disse...

Uma imagem fantástica, andar de baloiço. E é tão bom sentir a vida que desabrocha neles, de forma espontânea e incondicional!
Um brinde à tua felicidade, Maria!

Maria Rodrigues disse...

E como é bom sermos novamente crianças com os nossos netos.
Quantas saudades dos meus que estão tão longe de mim.
Felicidades para toda a família.
Bom fim de semana

chica disse...

Nunca podemos nos perder da criança que mora dentro de nós, independente da idade. E, ao sermos avós, muitos balanços precisamos andar,embalar...LINDO te ler! beijos, chica e parabéns!

silvioafonso disse...

O domingo está no fim,
mas a nossa amizade não.
Um beijo e boa noite.

vieira calado disse...

Olá, boa noite!

Eu também quero ser criança,
e sou,
apesar das minhas oito décadas...

Cumprimentos!

Jaime Portela disse...

Os avós retornam à infância pela mão dos netos. E então é baloiço, bicicleta, bonecas, etc., etc. É um nunca mais acabar de brincadeiras (as crianças têm uma energia inesgotável...).
Bom fim de semana, amiga Maria Lobos.
Beijo.

Maria Rodrigues disse...

Passei para desejar um excelente fim de semana
Beijinhos

SILO LÍRICO - Poemas, Contos, Crônicas e outros textos literários. disse...

Hoje venho ao parapeito
E observo da janela
Que há uma linda donzela
Semi-nua sobre o leito
Cheio de amor e respeito
Eu olho ao visual
E o lado sexual
Parece fala mais alto.
Eu o encaro e dou um salto
Sobra a sua petulância
De ir buscar à distância
Aquilo do qual sou falto.

Grande abraço. Laerte.

mz disse...

Parabéns!
Não sei o que é ser avó, contudo também tenho um baloiçar de criança dentro de mim.

Muitas felicidades e muita saúde!

Fá menor disse...

Venho trazer-te beijinhos mil para ti e tuas crianças, e baloiçar um bocadinho para não me esquecer de como é.
Muito grata, amiga!

Ana Freire disse...

Que notícia boa!!! Muitos parabéns... e votos de saúde e felicidades para todos!
Nossa!... Já não passava por aqui, há algum tempo... mas desde que a pandemia começou, a vida ficou virada do avesso, com mais cuidados e rotinas preventivas, quando se tem uma pessoa de risco por perto... mas, aos poucos, estou retomando as visitas aos cantinhos que aprecio, à medida que a disponibilidade o permite!...
Estimo que tudo esteja o melhor possível, por aí! Grata por esta maravilhosa partilha... e ter crianças por perto, numa fase como a que atravessamos... é mesmo o melhor remédio, para nos deixarmos ir junto, com a sua alegria, e não pensarmos em tanto problema quotidiano...
Um beijinho grande! Saúde para todos! Tudo de bom!
Ana

Maria disse...

Há blogues que ainda resistem. E há gente que ainda resiste nos blogues.
Fico contente por continuares a andar de baloiço e pelo outro neto-a-chegar. Enquanto eles não crescem seremos sempre crianças, com eles. O melhor da vida.
Muita saúde e um grande abraço, lobinha de olho azul.