domingo, 13 de maio de 2012

Não vou esquecer, nem fugir de ti

Não vou esquecer, nem fugir de ti
Vou com as tintas da paixão
Escrever na tua pele
A nossa história...

Eduardo Guerreiro

15 comentários:

Nuno disse...

an excellent choice and written in a beautiful body painted*
:)

poetaeusou . . . disse...

*
querida amiga,
,
ou
a fugado esquecimento !
,
lembradas conchinhas,
deixo,
*

© Piedade Araújo Sol disse...

e que seja uma bela história...

Pedrasnuas disse...

Sempre apaixonada!!!Beijinhos:)

Lilá(s) disse...

Não fujas, agarra bem esse amor...
Bjs

BlueShell disse...

Maravilha,

O meu beijo
BShell

Nita disse...

Vim espreitar e ...gostei!

Beijo da Nita.

BlueShell disse...

Tão simple mas tão completo...Um beijo e Paz
BShell

mfc disse...

Que forma linda de se dizer que se ama!

Eduardo Aleixo disse...

"Escrever na tua pele a nossa história "-
Que lindo.
Gostei tanto.

aflores disse...

E uma bela história será.

Tudo de bom.

;)
:)

poetaeusou . . . disse...

*
por aqui passei,
conchinhas deixei !
,
*

Filipe Campos Melo disse...

O poema é belo
A associação ao quadro é fulgurante

Gostei do espaço e do verso

Bjo.

João Esteves disse...

Texto e imagem impressionaram bem quem lhe visitou o Parapeito. Tudo já disseram os comentaristas anteriores, mas agrego monha apreciação.
Do Brasil, um abraço virtual.

joão marinheiro disse...

As cores e as palavras perfeitas a serem talahdas de forma a entrelaçarem perfeitas.