terça-feira, 21 de outubro de 2008

Vida



- Mãe! O mundo é mau,
Torna a flor num lodo
E um pássaro num verme,
E eu não sabia...

- Filha! Semeia flores no lodo,
Empresta o teu canto ao verme.
Se as tuas mãos continuarem puras
E meigo o teu coração,
Acredita que o mundo é belo.
E saberás!

Matilde Rosa Araújo
*
*
Hoje faz dois aninhos a Matilde...a maria papoila como a chama o Martim...
Felizmente ainda não sabe que o mundo pode ser muito mau.
Felizmente que tem uns pais que a vão proteger, a ela e ao irmão.
Felizmente que tem uma mãe que um dia também lhe irá dizer:
Filha! Semeia flores no lodo,
Acredita que o mundo é belo.

Pelo aniversário e pelo baptizado, muitos parabéns.

Um xi coração grandeeee

tété

27 comentários:

tb disse...

Só vê e sente o belo quem por dentro se deixa ficar puro. Então o mundo terá cores sempre renovadas, como esta amizade que derramam as tuas palavras/escolha do coração.Felicidades para a Matilde e papás, mas acima de tudo que ela possa ser sempre a criança que semeia flores no lodaçal onde se irá desenvolvendo o seu caminhar!
Beijinhos

Å®t Øf £övë disse...

É uma pena à medida que vamos crescendo irmos percebendo que por muito que nos digam o mundo afinal não é assim tão belo quanto nós julgavamos. Mas a verdade é que cabe a cada um de nós fazer a nossa parte para contribuir para que ele possa ser melhor. Muito bonito este post.
Bjs.

Secreta disse...

Sim , o mundo é mau. Mas ela tem tempo para descobrir isso...
Beijito.

Uma estrela errante disse...

Olá,

Belo presente...

A Maltide vai conseguir transformar o lodo em flores....
de mãos dadas com os pai irá sorrir...

Gostei muito do poema e por acaso encontrei ...


Esta noite deitei-me triste.
Abri um livro, passei uma folha, outra folha.
Quando cheguei ao fim tinha o coração cheio de folhas e de flores.

Matilde Rosa Araújo


beijinhos e sorrisos

Isa

Verónica disse...

Desta vez tenho que me render e esquecer tudo o que é mau! Porque uma "maria papoila" (se me permites) que deve ser a coisinha mais linda deste mundo faz 2 anitos.
Que todas as "marias papoilas" deste mundo tenham a mesma sorte que essa flor !
O poema é muito querido e cheio de sentido. A foto está bem a par.
Que sejam muito felizes nesse dia!
beijinhos

Coragem disse...

Quem dera ainda ser pequena e trazer comigo todos os sonhos do mundo...

Mais uma bonita homenagem, feliz aniversário para a Matilde.

Beijinho para ti

Graça Pires disse...

Parabéns à Matilde. O poema da Matilde Rosa Araújo é lindo e tem a mensagem própria.
Um grande beijo.

tulipa disse...

Bonitas palavras....
um abraço
tulipa

Shadow disse...

Adorei este teu texto...

Bjs,
Shadow

blueminerva disse...

Que ternura...



beijocas e bom fim-de-semana

Maria disse...

Já tinha passado aqui numa noite em que o snr. google não me deixou comentar.
A Matilde Rosa Araújo foi talvez a primeira poeta que apareceu na minha vida - como professora...

Parabéns atrazados à Matilde..

Um beijo

Fernando Rozano disse...

felicidade à Matilde, nesse belo e sensível post. meu abraço.

Nilson Barcelli disse...

O problemas está mesmo nas mãos... porque há muita gente com as mãos sujas...
Resta-nos continuar a plantar flores no lodo (gostei imenso desta frase).
Parabéns à Matilde, ainda que atrasados...
Beijinhos.

© Piedade Araújo Sol disse...

bonito texto e muito verdadeiro.

beij

Vivian disse...

...oxalá todos pudessemos plantar
flores no lodo.
o mundo seria mais lindo, assim
como nosso bom Deus o planejou.

parabéns a pequena Matilde,
parabéns à poetisa, e igualmente
parabéns à vc, pela sensibilidade do post.

bjus e obrigada pelos carinhos lá em casa.

Miguel Augusto disse...

O mundo é de facto belo, cheio de beleza escondida no mais inóspito dos recantos! Mas de facto existe muita coisa feia! Mas ainda assim, sabe bem e sabe percorrer um caminho por mais longo que seja ou sinuoso que seja para encontrar algo belo!

Carlos Soares de Oliveira disse...

Como disse Gandhi.Não é só por causa de algumas gotas sujas que vamos condenar todo o oceano.Lindo blog,lindos poemas.Beijos

Carlos Soares de Oliveira disse...

Obrigado pela visita e palavras gentis.Seu blog é encantador.Um grande beijo

Sophiamar disse...

Parabéns para a Matilde. Embora atrasados desejo-lhe muita alegria e brincadeira. E que os caminhos que percorrer estejam cobertos de flores.

Beijinhos

Nanda Assis disse...

que coisa delicia de ser lida. muito bom.

bjosss...

Secreta disse...

Passei para te visitar ...
Deixo um beijito :)

O Profeta disse...

A Lua sangra no celeste
Aprisionada está a razão
Olhos sem a virtude da luz
Uma fria pedra no coração

Um banco de jardim
É leito do rei da sarjeta
Almofada de encardido cartão
Acomoda esta carcaça inquieta


Convido-te a conhecer um Rei mendigo


Mágico beijo

Nuno disse...

Olá! Lindo poema. A vida é bela e só temos que a aproveitar! Parabéns á tua Amiga Matilde! beijos

Nilson Barcelli disse...

Como não há novo post, deixo-te "apenas" beijinhos.

Flamenguista Roxo disse...

Boa a poesia pura realidade social.
Uma boa semana,

Sininho disse...

Eu não acho o mundo mau.. acho que ha coisas que o fazem menos bom, mas gracas a ti aprendi a saber distinguir e a minimizar essas mesmas coisas. Ha que ver sempre o lado bom das coisas. :) não faz milagres, mas que ajuda, ajuda. :) beijinho

André L. Soares disse...

Esse poema é fantástico.

E fantástico também é o blog por inteiro. Eu ainda não o conhecia. Pelo menos que eu lembre, não. Mas são tantos blogs. Vou viajar um pouco mais pelo seu universo poético.

Grande abraço, Poetisa!